Últimos assuntos
» Futari Ecchi (2014) [MKV][C]
Dom Out 04, 2015 12:19 pm por Lacus

» [Doctor Who] Impossible
Seg Ago 31, 2015 3:05 pm por Lacus

» Akagami no Shirayuki-hime [MKV][C]
Seg Ago 24, 2015 8:25 pm por Lacus

» Kyoukai no Rinne [MKV][Adicionando 24/08/15]
Seg Ago 24, 2015 7:39 pm por Lacus

» Misutenaide Daisy [MKV][C]
Sex Ago 21, 2015 11:48 am por Lacus

» Show By Rock!! [MKV][C]
Dom Ago 16, 2015 5:47 pm por Lacus

» [OST] Battle Spirits Burning Soul [OP/ED]
Qui Jul 02, 2015 10:08 pm por Lacus

» [Frozen/Guardiões] Believe Me
Seg Jun 29, 2015 2:53 pm por Lacus

» Battle Spirits Burning Soul [MKV][Adicionando 19/08/15]
Qua Maio 06, 2015 5:44 pm por Lacus

Relogio
Parceiros
Highschool of the Dead Brasil
Contador de Visitas
acesso gratis

[Bihada Ichizoku] Amor ou Vingança?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Bihada Ichizoku] Amor ou Vingança?

Mensagem  Lacus em Sab Mar 02, 2013 3:32 pm



A obsessão de Minamoto Tsuyoshi era se vingar da família Bihada, mas sem que soubesse, se apaixonou por uma das filhas. Mas, depois de descobrir seu nome, ele passou a odiá-la. Será que foi isso mesmo?

Classificação: Livre
Categorias: Bihada Ichizoku
Gêneros: Romance

Capítulos: 1 | Terminada: Sim
Publicada: 12/01/2011 | Atualizada: 12/01/2011

Notas da História:
Os personagens de Bihada Ichizoku não me pertencem.

_______________________________________________________________________

Tsuyoshi tinha cabelos e olhos negros, sendo muito gentil com as pessoas que trabalhavam com ele na U10G. Em mais um dia de trabalho, saiu do elevador e andou por aqueles enormes e largos corredores calmamente, como se não tivesse pressa para chegar onde teria que fazer seu trabalho diário.

Sempre cumprimentando as pessoas que passavam perto de si, com um sorriso gentil. Mas, sua expressão gentil mudou quando a viu. Aquela mulher com ar superior e seu marido: Bihada Saki e Yuutenji Tatsuya. Sentiu uma grande raiva dentro de si, sua vontade era de fazer o que vinha planejando há algum tempo: se vingar. Mas nunca tinha o momento certo para fazer isso.

Até que, certo dia, ele a conheceu. Em mais uma manhã em que estava saindo do elevador, foi atacado por um rodo bem na sua cabeça, fazendo-o cair no chão. Escutara uma voz, uma bela voz, e ficou olhando-a. Ela era linda. Loura de cabelos ondulados, olhos verdes e um rosto bonito, apesar das sardas.

– Me desculpe. Você... poderia, por favor, me perdoar? –perguntou, preocupada pela pancada ter sido forte

– Que servente animada. –falou, sorrindo para ela

Levantou-se todo molhado, e entregou o rodo para a servente novamente. Se virou e quando estava começando a ir embora, escutou a voz dela mais uma vez.

– Qual é o seu nome?

– Eu sou Minamoto Tsuyoshi. – sorriu –Nos vemos por aí. –piscou para ela e voltou a andar para o seu local de trabalho

Depois disso, passou a cumprimentá-la todas as manhãs. Sentia-se feliz quando a via, mas havia apenas um problema: Ele não havia perguntado seu nome. Passou algum tempo assim, sem saber seu nome, e, sempre que a via, corria para falar com ela. No entanto, justamente no dia em que tentaria mais uma vez perguntar seu nome, a felicidade que ele sentia se dissipou num piscar de olhos, ao vê-la com um homem suspeito em frente à empresa.

– Eu sou Bihada Sara.

Quando ouviu esse nome, imagens vieram em sua mente como um filme que passava rapidamente. Lembrou-se dela.

~*~ Flash Back ON ~*~

Sua namorada, Shiori, estava em uma cama de hospital. Ele estava ali, ao seu lado, mas mesmo assim não foi suficiente.

– SHIORI! SHIORI! –gritava e chorava, mas nada adiantava. Shiori estava morta.

”Eu juro... Eu juro que vou me vingar. Irei me vingar da demoníaca família Bihada!”

~*~ Flash Back OFF ~*~

Desde aquele dia, seus planos mudaram. Agora não queria se vingar apenas de Saki, mas também de Sara. Ele de fato se apaixonou por Sara, mas o seu ódio pela família Bihada foi maior do que o seu próprio sentimento. Para por seu plano em prática, passou a noite com Sara e depois disse que fez aquilo apenas para prejudicá-la. Depois, foi até o concurso Wolrd Bihada Challenge para completar a sua vingança, já que Sara e Saki estavam disputando no palco. Estava ali, em pé nas escadas que ficam no meio antes de ir para a platéia. Ficou surpreso ao vê-la chorar ao mesmo tempo que dançava. Por que estava chorando? Seria por sua causa? Decidiu sair dali. Parou e sentou-se no corredor. Aquela imagem vinha em sua mente, fazendo-o chorar.

– Eu não posso... Eu não posso fazer isso! –chorava com uma mão em seu peito. Era a dor que estava sentindo, porque ele a amava e não conseguiria fazer o que pretendia com ela

~*~

Um ano então se passou. Continuara trabalhando na U10G, mas não pensara mais em sua vingança desde aquele dia. Onde quer que passava, se lembrava de Sara. Não era porque ela lembrava Shiori, mas sim por ela mesma. Lembrava-se em como o rodo caiu em sua cabeça, em como ela tinha ficado corada e todas as vezes que ela dizia “Tenha um bom dia”. Aqueles momentos eram tão felizes, mas não os tinha mais. Ela não apareceu mais ali desde que venceu o World Bihada Challenge.

Já estava começando a anoitecer. Estava indo embora a pé, sem pressa alguma, apenas pensativo. Primeiro, perdera Shiori, a pessoa mais importante que ele tinha e depois... Depois perdera Sara no exato momento em que passara a noite com ela e dissera coisas horríveis como “Mulher estúpida”, “Você acha mesmo que eu te amo?” e “Fiz isso para te prejudicar”. Mas ele sabia, ele sabia que não era verdade. Dissera tudo aquilo por causa do ódio que tinha pela família Bihada, porque por culpa da família dela, ele perdera Shiori.

Por um instante, uma mulher passou ao seu lado. Ergueu a cabeça rapidamente, arregalando os olhos logo em seguida. A mulher tinha cabelos louros e ondulados e uma estatura mediana, assim como ela. Andou com passos apressados, sem tirar os olhos dela.

“É ela... Bihada Sara.”

– Sara! –virou-se para trás e arregalou os olhos ao ver que quem a chamava era Tsuyoshi.

“Por que... Por que Tsuyoshi está me chamando? O que ele quer comigo?”

Não pensou duas vezes. Apertou o passo. Não queria falar com ele, não depois das coisas que ele havia dito para ela um ano atrás.

Tsuyoshi percebeu que ela não parara, então correu. Correu até alcançá-la, segurando-a pelo pulso.

– Sara!

– O que você quer comigo, Tsuyoshi? Dizer mais coisas para me prejudicar, é isso? –virou-se, sem esconder as lágrimas que estavam se formando em seus olhos

Ficou surpreso por ver aquelas lágrimas mais uma vez. De fato, ele havia atingido-a profundamente, do jeito que ele pretendia no passado. Prejudicá-la. Mas agora, não era o que ele queria.

– Não! –falou firmemente –Sara... Eu sei que disse tudo aquilo para você, mas... Não era o que eu realmente queria dizer.

Sara ficou atenta para saber o que ele iria dizer, mas se surpreendeu ao ser abraçada por ele. Abraçada do mesmo jeito do que naquela noite.

– Desde o primeiro dia que a vi, eu... –pressionou-a mais forte contra seu corpo –eu me apaixonei por você. Eu queria saber o seu nome, mas não conseguia porque você saia correndo sem que eu tivesse tempo para perguntar. E quando eu descobri que seu nome era Bihada Sara... Eu lembrei da Shiori morrendo naquele hospital, e, tudo por causa da sua família. Eu odiava todos os Bihada e eu passei a querer te destruir junto com Saki. Mas... aquela noite, quando você disse que me amava, eu fiquei feliz, mas o meu ódio foi maior.

Sara ouvia tudo atentamente, mas mesmo assim, as lembranças daquela noite ainda eram dolorosas. Sussurrou perto de seu ouvido:

– Você... Você não está brincando comigo, está?

– Huh? –se afastou um pouco, olhando-a sem entender –Você acha que eu estou brincando? –encarou aqueles belos olhos verdes, e teve a certeza que ela achava isso

Para provar que estava errada, puxou novamente para perto de si, beijando-a com carinho. Ela se assustara, mas correspondeu. Quando se separaram, viu que o olhar e a expressão de Tsuyoshi estavam iguais de quando haviam se conhecido.

– Eu não consegui te esquecer, Sara. Por mais que eu tentasse, você não saía da minha cabeça.

– Ahh, Tsuyoshi! –abraçou-o pelo pescoço, chorando mais uma vez

Sara não estava chorando de tristeza, mas sim de felicidade. Sabia que ele odiava sua família mais do que qualquer coisa, mas o que importava era que ele desistira da vingança e foi justamente por causa dela. Ele não teve coragem de fazer algo contra ela porque no fundo a amava. E isso era o mais importante.

~*~ Fim ~*~

________________________________________________________________________

Sinceramente? Esta foi uma das minhas piores fics. Tanto que foi a última que fiz até hoje. Só estou postando mesmo a pedido do Maickon, que queria que postasse pelo menos algumas. Mesmo assim, não me orgulho da maioria.

_________________
avatar
Lacus
Colaborador
Colaborador

Mensagens : 230
Pontos : 2627
Reputação : 10
Data de inscrição : 12/04/2012
Idade : 26

https://nadjafansub.otaking.top

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Bihada Ichizoku] Amor ou Vingança?

Mensagem  maickon em Sab Mar 02, 2013 3:55 pm

Não foi uma das piores não, pra quem conhece irá emocionar, eu acho o modo como vc escreve excelente, foi uma ótima fanfic, eu gostei mto apesar de ter sido curto conseguiu mostrar a que veio

Continue postando.... mais outrass cheers cheers cheers
avatar
maickon
Administradores
Administradores

Mensagens : 203
Pontos : 2465
Reputação : 5
Data de inscrição : 15/04/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum